SE DEPOIS DE EU MORRER FENANDO PESSOA SI APRES MA MORT ALBERTO CAEIRO

 SE DEPOIS DE EU MORRER
SI APRES MA MORT

Poème de Fernando Pessoa
Alberto Caeiro
Poemas Inconjuntos
Poèmes Désassemblés





Traduction – Texte Bilingue
tradução – texto bilíngüe

Traduction Jacky Lavauzelle


LITTERATURE PORTUGAISE
POESIE PORTUGAISE

Literatura Português

FERNANDO PESSOA
1888-1935
Fernando Pesso Literatura Português Poesia e Prosa Poésie et Prose Artgitato

 





Poema de Fernando Pessoa
por Alberto Caeiro
Poemas Inconjuntos

Poème de Fernando Pessoa
Alberto Caeiro
POEMES DESASSEMBLES
1913-1914-1915

****

SE DEPOIS DE EU MORRER
SI APRES MA MORT

****

Se depois de eu morrer, quiserem escrever a minha biografia,
Si après ma mort, je veux écrire ma biographie,
Não há nada mais simples
Il n’y a rien de plus simple
Tem só duas datas — a da minha nascença e a da minha morte.
Il n’a que deux dates – celle de ma naissance et celle ma mort.
 Entre uma e outra todos os dias são meus.
Tous les jours qui se situent au milieu sont les miens…

*

********

Se depois de eu morrer
Si après ma mort